VII GRADUAÇÃO EM CAMPO Seminários de Antropologia Urbana

VII GRADUAÇÃO EM CAMPO Seminários de Antropologia Urbana

Apresentação

A VII edição do Graduação em Campo: Seminários de Antropologia Urbana das Ciências Sociais, evento promovido pelo Núcleo de Antropologia Urbana (NAU/USP), com apoio do Departamento de Antropologia da FFLCH e da Pro-Reitoria de Graduação da Universidade de São Paulo, consolida a experiência das edições anteriores de abrir suas atividades para estudantes de graduação não só da USP  ou de instituições universitárias paulistas: este ano, inscreveram-se mais de cem participantes, de todas as regiões do país. Para tanto foi necessário reforçar a equipe coordenadora, otimizar o uso do site e do blog do NAU e solicitar a colaboração  de mais alunos dos primeiros anos do curso de Ciências Sociais.

 

O envolvimento nessas tarefas tem um propósito de aprendizagem para todos os comprometidos com a organização de um evento acadêmico de porte nacional, em meio às obrigações escolares rotineiras. Com o propósito de ampliar o debate por meio da incorporação de tecnologias e abrir o leque de alternativas de intercâmbio, a coordenação da VII edição convidou alunos de pós-graduação de instituições estrangeiras  – este ano, de Portugal – para compor o quadro de debatedores das apresentações, por meio de vídeo-conferência.O NAU convidou, também, diversos professores para oferecer “mini-cursos” aos participantes, de forma que tenham a oportunidade de entrar em contato com pesquisas e linhas de trabalho das várias áreas do Departamento de Antropologia da USP. Começamos com Antropologia Urbana, Antropologia Visual, Antropologia Política, Antropologia e Direito e Marcadores Sociais da Diferença. Não está demais reafirmar que, apesar de algumas  alterações e mudanças no formato,  a  edição de 2008  de A Graduação em Campo: Seminários de Antropologia Urbana das Ciências Sociais mantém a mesma orientação desde que foi proposta pelo NAU, em sua primeira experiência, em 2002: é um evento que aposta na valorização do ensino e pesquisa na graduação.A conferência de abertura, este ano, estará a cargo da Profª. Eunice Durham que, juntamente com  a Profª. Ruth Cardoso – a quem se prestará homenagem –, orientou projetos e coordenou diversas pesquisas de Antropologia Urbana. Aqui você pode ler algo sobre la revista de antropologia – USP.
08 DE SETEMBRO, 19h, sala 8,  Abertura
ConferênciaInaugural
Profa. Dra. Eunice Ribeiro Durham (USP)
09 DE SETEMBRO, 10h, sala 8
Discursos devotos: representação do político na diversidade

Apresentador: Yuri Bassichetto Tambucci 
Fragmentos de um Quase Ano Eleitoral em Nossa Senhora do Carmo, Itabira/MG.
Bruno Nogueira Guimarães(UFMG)
Eleições no BororéEtnografia Política na grande metrópole.
Douglas Ladislau dos Santos (USP)
IURD e democracia no Brasil: uma abordagem sobre a formação de vários núcleos de poder carismático. 
Gabriel Henrique Burnatelli de Antonio. (UNESP)

Conexão política em espaços urbanos: estudos etnográficos sobre atuações de parlamentares na cidade do Rio de Janeiro.
Laís Salgueiro Garcez, Mayã Martins, Patrícia Soares Vieira (UFRJ)
O Vídeo na Periferia: Produção e Recepção.
Juliana Cristina Biazetti (USP)

Debatedora: Tatiane Santos Perrone (mestranda PPGAS/USP

2019-05-31T10:59:10+00:00septiembre 24th, 2018|

About the Author:

Leave A Comment